Hogwarts Revelium
MSN GROUP
group1378820@groupsim.com
15 de Outubro
sexta-feira
a temperatura agradável permite que os habitantes de Hogwarts andem com roupas leves. Durante o dia o céu é claro e bonito, fazendo com que os jardins fiquem lotados por alunos em busca de um banho de sol. A noite o céu é estrelado e há um grande movimento de alunos em direção a Hogsmeade por causa de uma festa que o diretor permitiu a presença destes.
AÇÕES:
- aula de aritmancia para o 7° ano
- aula de poções para o 6° ano
- festa no Pub MixysBars, em Hogsmeade




Últimos assuntos
» Bate-Papo.
Dom Jul 17, 2011 4:17 pm por Dominic Harvey

» 15 de Outubro - Noite
Seg Jun 27, 2011 11:43 am por Lucca Ragazzi

» Pegunta idiota, Resposta cretina...
Dom Jun 19, 2011 11:16 pm por Ethan Miller

» Confesso que...
Ter Jun 14, 2011 5:52 pm por William Kane

» 15/10- Estrada de Hogsmeade-Tarde
Dom Jun 12, 2011 3:28 am por Rosalie Marie Stewart

para parceria,
entrar em contato com:
hogwarts.revelium@hotmail.com

02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Ir em baixo

02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Mensagem por Alice Cobb em Qui Set 23, 2010 12:36 am

A noite anterior tinha sido bastante cansativa, por muitas vezes que eu já tivesse feito aquela viagem todas as vezes a terminava exausta. Depois de um jantar mais engraçado voltamos para o salão comunal e assim que me deitei, os meus olhos se fecharam rapidamente. Não importava mais nada, nada mantinha os meus olhos abertos... por nada... estava literalmente exausta.

~.~
Estava numa sala, não a reconhecia, era totalmente branca assim como os seus moveis, paredes e almofadas, em cima dos moveis estavam pequenos ursos de pelúcia, agarrei num urso lentamente e o olhei. - Gosta desses ursos? - ouvi uma voz falar, reconhecia aquela voz.. mas não queria acreditar que poderia ser ELE... logo ele? Não sabia o que ele estava ali a fazer, nem sequer sabia o que eu mesma estava ali fazendo - G-g-gosto sim - falei fintando a parede, tinha medo que aquela voz fosse apenas fruto da minha imaginação - Eles são bem bonitos - falei acariciando o urso, ele era macio, o seu pelo era claro e as suas pequenas patinhas eram brancas e castanhas claras. Respirei fundo, tomando coragem para me virar para ele... para ter a certeza que ele não era apenas fruto da minha imaginação. - Não precisa ter medo, eu não te vou machucar - ele falara, a sua voz era tão harmoniosa, tão musical para os meus ouvidos que só de a ouvir o meu coração disparava.

Eu me virei lentamente o olhando, ele era tão belo que quase parecia uma miragem, algo idealizado por Merlin... algo que nunca estaria ao meu alcance... ao alcance de uma mera mortal como eu - Eu não tenho medo de você... eu sei que você nunca me machucaria - eu falei sorrindo, não sabia o que fazer estava totalmente sem saber o que fazer, sorri para ele ao ve-lo se aproximar-se de mim, sentia o meu coração bater aceleradamente - O que está fazendo? - ele não falou nada, apenas se aproximou de mim me fazendo encostar num dos moveis brancos, passou a mão no meu rosto me provocando arrepios pelo corpo, lentamente ele aproximou o seu rosto do meu, sentia a respiração dele tocar o meu rosto, era tão doce que parecia impossivel. Eu fechei os olhos e os seus lábios tocaram os meus, num beijo calmo e apaixonado. Eu fui a lua e voltei numa questão de sonhos, aquilo parecia um sonho tornado realidade, o mais desejado dos sonhos, quando ele separou os seus lábios dos meus, eu o olhei, não tinha palavras naquele momento - Eu te amo, Alice - ele sussurrou e o meu coração disparou, parecia que iria saltar do meu peito a qualquer momento, eu aproximei os meus lábios da sua orelha e falei - eu também te amo - eu nunca me tinha sentido tão feliz na minha vida... ele me amava

~.~

Abri os olhos, sentia o meu coração bater aceleradamente, não conseguia tirar aquele sorriso do meu rosto... ele tinha falado que me amava, não importava se era em sonho, ou na realidade... apenas ouvir aquelas palavras saindo da sua boca me fazia mais feliz que nunca. Me levantei da cama e corri para o banho, tinha que ir entregar a carta do meu pai a Eros... era urgente.Depois de me arrumar e colocar o uniforme, me maquilhei e perfumei e corri até ao gabinete dele, após respirar fundo umas vinte vezes bati a porta e alguns minutos depois o professor abriu a porta, tentei me acalmar e falei - Professor, o meu papai pediu para eu lhe entregar essa carta - falei a esticando
avatar
Alice Cobb
Gryffindor
Gryffindor

Mensagens : 44

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Mensagem por Eros Lecter em Sex Set 24, 2010 1:59 am



    Eros acordou extremamente cedo, a ponto de ver o nascer do sol. Estava tão nervoso, já havia preparado algumas aulas, sabia que não teria aulas aquele dia, porém, queria revisar a sua matéria, tudo tinha que estar perfeito para sua estréia no mundo docente.

    Suspirou contente, tudo estava pronto depois de algumas horas. Olha para os lados, entediado, se observa e nota que ainda estava de pijama. Sorri e vai tomar seu banho, depois ajeita seu cabelo, faz a barba, passa seu perfume, ajeita seu colar de sol, e veste-se com uma roupa casual, como quase todas as suas – Eros era um rapaz muito estiloso, por ser jovem e ao mesmo tempo professor, suas vestes destacavam-se frente às roupas sérias e sem graça dos outros professores, ficando evidente ter uma grande diferença de idade deles.

    Vai para seu escritório, peça grudada ao seu quarto, avistando o presente que comprou para Alicia na sua última viagem. Suspira apaixonado, mas se recompõe em seguida. Sabia que a garota colecionava ursos de pelúcia, então antes de ir para Hogwarts, comprou para garota esse presente, sabia que ela iria gostar. Contudo, quando comprou não se deu conta de como daria esse presente para ela. Certamente usaria o pai da garota como uma desculpa para falar com ela.

    Distraído revisando pela milionésima vez suas anotações, escuta alguém batendo a porta do seu gabinete. Estranha, não esperava visitas. Rapidamente pula sua mesa e vai abrir a porta, sorrindo e simpático. – Bom dia. – Seu sorriso se perde um pouco, perto do bobo, quando vê quem era essa tal pessoa. Recompõe-se para não deixar na cara, era Alice Cobb, que viera lhe entregar uma carta de seu pai. Ele segura a carta e a mira sem abri-la, depois olha para a garota. – Obrigado por entregar Srta. Cobb. – Sorri sem jeito, ela era tão linda. Lembra-se do presente, resolve entregá-lo agora. – Ah, tenho uma coisa para lhe entregar também senhorita. – Entra correndo no gabinete, parecia um garoto, se dá conta disso, e no meio do caminho começa a caminhar. – Ah, pode entrar Alice, er, Srta. Cobb. – Ele vai até o canto de sua sala e pega o embrulho de presente vermelho, cor escolhida a dedo por saber ser a favorita dela. Pega o embrulho e entrega para a garota. Cora muito de leve, pois estava se controlando. – Ah, sabia que você colecionava... – Fica mexendo no seu colar, fazia isso quando nervoso. O presente era um urso macio, com pelo claro, pequenas patinhas brancas e castanhas clara.

avatar
Eros Lecter
Professor
Professor

Mensagens : 64

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Mensagem por Alice Cobb em Sab Set 25, 2010 2:35 am

Eu sabia perfeitamente que Eros nunca olharia para mim... quer dizer, ele era meu professor e mais que isso, ele era algo superior, tamanha beleza não poderia ser meramente humana... era um Deus...ele era um Deus para mim. Imaginar a sua respiração tocando o meu rosto... os seus lábios tocando os meus... era demais para qualquer pessoa, especialmente era demais para mim.

Eu havia sonhado com ele, lembrava de cada detalhe aquele sonho, cada som, cada cheiro, cada toque dele no meu corpo me fazia arrepiar... cada toque dele mesmo num sonho tinha um efeito em mim inexplicavel.. era absolutamente... perfeito. Ainda conseguia sentir o leve toque dos seus lábios nos meus... ainda conseguia sentir o doce sabor deles nos meus. Nunca pensei que alguém pudesse ter tamanho efeito sobre uma pessoa... nunca pensei que Eros pudesse ter tamanho em feito em mim. Precisava de o ver, precisava de ouvir a sua voz, a musicalidade da sua voz entrando pelos meus ouvidos enquanto me provocava uma calma sobre humana, quase calma divina. Lembrei que tinha uma carta do meu pai para entregar ao professor, acho que era um convite para passar o Natal na minha casa.

Me arrumei rapidamente e corri até ao gabinete dele, aquela necessidade de o ver era cada vez mais dificil de controlar, de aguentar. Bati na porta e depois de ele abrir lhe falei que tinha uma carta do meu pai para ele... sentia meu coração disparar quando ele se aproximava de mim - Bom dia. - ele sorriu, aquele sorriso que tanto eu amava, que tanta alegria me dava cada dia que eu vivia - Obrigado por entregar Srta. Cobb- ele me sorriu e eu me perdi no seu sorriso... era tão perfeito... chacolhei a cabeça e falei - De nada professor, não custa nada - falei sorrindo... não me custava absolutamente nada... até era mais um motivo para eu falar com ele. -Ah, tenho uma coisa para lhe entregar também senhorita. - ele falou me deixando totalmente curiosa.

Ele se afastou o que me deu tempo para olhar em volta a ver se nao tinha nenhum aluno curioso por aqueles lados, felizmente tudo estava ainda deserto... para meu bem - Ah, pode entrar Alice, er, Srta. Cobb- eu entrei e fechei a porta cuidadosamente - Obrigada professor.. ah e pode me tratar apenas por Alice - falei sorrindo...ele pegou num embrulho vermelho e se virou para mim me entregando [color?deeppink]- Obrigada - eu falei totalmente sem jeito e abri cuidadosamente e fiquei chocada quando entendi que aquele urso era o urso do meu sonho... o que isso significava?[/color] - Ah, sabia que você colecionava... - eu tentava falar, mas as palavras estavam presas na minha garganta - ah..er... obrigada professor - chacolhei a cabeça, tentando me abster daquele sonho e do urso - gostei muito... mas como sabia que eu colecionava ursos de pelucia? - sorri acariciando o urso... aquele iria ter um lugar especial no meu quarto... e no meu coração - foi o meu papai que falou para voce? - falei corando
avatar
Alice Cobb
Gryffindor
Gryffindor

Mensagens : 44

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Mensagem por Eros Lecter em Seg Out 04, 2010 1:14 am




    Foi uma grande surpresa ela ter ido até ele para entregar aquela carta. Ela nem imaginava como ele havia gostado, apenas vê-la era suficiente para ele, claro, dentro dos limites que ele havia se auto imposto. O simples fato de abrir aquela porta e vê-la, o deixou mais calmo para aquele nervosismo de estréia. Nem percebe que ela se perde em seu sorriso, pelo fato de ter se perdido no dela. Recupera-se e entra, para pegar o presente dela.


    Ela entrou e fechou a porta após ele falar que ela podia entrar na sala dele, enquanto ele buscava o tal presente. Espiou de canto e sorriu levemente travesso ao ver que estavam em privacidade. Contudo, sacudiu sua cabeça e tirou isso da sua mente, não podia, ele era o professor dela! Sorriu quando ela falou para tratá-la apenas por Alice. – Certo, chamo você de Alice se parar de me chamar de professor. – Sorri arteiro, que nem um garoto qualquer e não um professor para ela, o que ele também era, afinal, tinha apenas 23 anos.


    Finalmente pegou o embrulho e entregou para ela. Ele tentou se justificar por ter dado ele, mas não pareceu muito convincente, queria apenas presenteá-la porque gostava dela. Achou extremamente fofo ela corando e se enrolando nas palavras. Se ele estivesse falando, estaria da mesma maneira. Ele sabia que ela o questionaria nesse quesito, tanto que pensou em alguns motivos quando comprou o urso. – Ah, claro, seu pai falou para para mim que que você colecionava. – Sorri sem graça, Lucas Cobb nem imaginava que Eros sabia tanto detalhes e coisas da filha dele. Ele sabia tudo isso por pura e simples observação, sempre cuidava ela discretamente, gostava de saber seus gostos, manias, manhas... Dessa forma sentia-se mais próximo dela, consciente de que a proximidade física nunca poderia existir. Ele vê que sua desculpa é mega falha, mas não conseguiu pensar em outra, Lucas era seu principal álibi em tudo que ele fazia ligado a Alice. – Então... hum... – Faz uma careta extremamente fofa. – Tem algum problema? É que eu vi e achei que ia gostar dele sabe, mas se não quiser, tudo bem... – Fica com medo de trazer problemas para ela, não ficaria bem um professor presenteando uma aluna, ele não se importava com as conseqüências para ele, mas sim para ela.

avatar
Eros Lecter
Professor
Professor

Mensagens : 64

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Mensagem por Alice Cobb em Seg Out 11, 2010 8:23 pm

Eu tinha ido no gabinete de Eros, na verdade, estava com saudades dele já... mas não poderia admitir isso para ninguém. Se admitisse que estava com saudades dele, estaria com problemas. Nada melhor que uma desculpa para ir falar com ele... um convite para passar o Natal lá em casa, comigo, com a mamae e com o papai. Bati na porta do gabinete dele cuidadosamente e assim que ele abriu a porta lhe entreguei a carta, sorrindo amigavelmente.

Ele me mandou entrar no seu gabinete e eu como boa menina que era entrei de imediato. Me incomodava que Eros me chamasse Stra Cobb, era tão formal...tão distante e eu não gostava daquela distancia. – Certo, chamo você de Alice se parar de me chamar de professor. - eu sorri para ele, iria ser dificil chama-lo de professor nas aulas se lhe chamasse apenas Eros - Mas se eu não lhe chamar professor posso errar na aula e eu não quero isso... professor - falei sorrindo totalmente sem graça.

Ele me entregou um embrulho e eu o abri curiosa, descobrindo um urso... o urso com o qual tinha sonhado. Fiquei totalmente sem cor, estava nervosa... não sabia o que fazer, não sabia o que falar para o Eros naquele momento. Como ele sabia que eu colecionava ursos de pelucia? Como ele me dera o urso com o qual eu tinha sonhado? Como tudo aquilo estava acontecendo? Eu não tinha a minima ideia... estava assustada, mas confiava nele – Ah, claro, seu pai falou para para mim que que você colecionava.


Eu sorri meio sem jeito...claro como não tinha pensando no meu pai? Ele ficava falando de mim ao Eros e depois essas coisas me deixavam totalmente sem jeito - Ah... um dia ele vai aprender a ficar de boca calada - eu ri sem jeito, adorava o meu pai, mas Eros tinha aquele enorme poder de me deixar totalmente sem jeito – Tem algum problema? É que eu vi e achei que ia gostar dele sabe, mas se não quiser, tudo bem... - eu o olhei sorrindo boba para ele e instintivamente o abracei - Não, é perfeito...simplesmente perfeito! - sorri e me afastei um pouco dele ficando sem jeito - Desculpe - falei sem jeito
avatar
Alice Cobb
Gryffindor
Gryffindor

Mensagens : 44

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 02/09 | Gabinete do Prof de Astronomia - manhã

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum